Bootcamp Laboratoria

Laboratória promove hackathon com foco no público feminino

Maria Dourado, editado por Liliane Nakagawa 12/07/2019 15h07
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Desafio acontece no final deste mês após participantes passarem por processo seletivo concorrido com mais de 2 mil pessoas

As mulheres que estarão nesta edição do hackathon participaram de um processo seletivo concorrido, com mais de 2 mil pessoas e começaram o bootcamp em janeiro de 2019. A iniciativa se beneficia da expansão do mercado tech na América Latina e busca adaptar o currículo para a demanda atual das empresas.


Para conectar este público com o mercado de trabalho, a Laboratória organiza, após o final de cada curso, o Talent Fest, um hackathon de 36 horas que reúne as mulheres formadas e as empresas parceiras da organização. Grandes empresas como Accenture, IBM, Stone, Everis, Loggi e Avanade já confirmaram presença no evento.

Divididas em times, cerca de 50 alunas terão que resolver desafios propostos por empresas, que enviarão profissionais de RH e da equipe de desenvolvimento para acompanhar o desempenho de cada uma delas e avaliar a possibilidade de contratação.

“Queremos que em até 3 meses essas mulheres iniciem suas carreiras como desenvolvedoras e que sejam protagonistas nas empresas em que trabalharão”, afirma Regina Acher, cofundadora da Laboratória no Brasil.

Dados divulgados pelo programa YouthSpark, da Microsoft, apontam que, no Brasil, apenas 18% dos graduados em ciência da computação e 25% dos empregados em áreas técnicas de tecnologia da informação (TI) são do sexo feminino. Ainda, segundo o PNAD (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios), 28% dos jovens (mulheres e homens), entre 18 e 24 anos não estudam e nem trabalham.

Com foco em buscar uma ação a qual solucionasse ambas as questões, a Laboratória, organização social sem fins lucrativos que forma mulheres e prepara organizações na construção de uma economia digital mais competitiva e diversa, passou a promover um bootcamp gratuito para mais de 60 mulheres semestralmente. Durante 180 dias, além de trabalhar suas habilidades socioemocionais, as selecionadas têm aulas técnicas, como UX e JavaScript.

O Talent Fest acontecerá na IBMEC-SP, nos dias 23, 24 e 26 de julho.

Java Mercado Tecnologia mulheres profissionalização carteira de trabalho
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você