Motorola lança Moto Z2 Force e duas novas versões do Moto G no Brasil; conheça

Em evento realizado na manhã desta quinta-feira, 24, em São Paulo, a Motorola apresentou ao mercado brasileiro três novos smartphones. São eles o Moto Z2 Force, o Moto G5S e o Moto G5S Plus.

O destaque fica por conta do novo Moto Z, o top de linha da Motorola, que finalmente desembarcou no Brasil, trazendo tudo o que sua versão estrangeira tem de especial: especificações de ponta para brigar com os aparelhos mais potentes do mercado e a já famosa tela "inquebrável" da fabricante.

O Moto Z2 Force vem com o processador Snapdragon 835. Trata-se do primeiro celular com o chip mais poderoso da Qualcomm a ser vendido oficialmente no Brasil, já que o Galaxy S8, que usa esse chipset na sua versão norte-americana, é vendido por aqui com o Exynos 8895, de potência equivalente.

A tela, de 5,5 polegadas e resolução QHD (2560 por 1440 pixels), é protegida por uma camada extra de plástico que a Motorola chama de ShatterShield, uma espécie de película integrada ao smartphone que o protege de riscos, estilhaços ou quedas mais acentuadas, ainda que, por outro lado, deixe pequenos riscos mais visíveis.

São 6 GB de RAM e 64 GB de memória interna, além de uma bateria de 2.730 mAh e conexão USB-C. A câmera dupla de 12 MP do aparelho tem a mesma função que a de outros concorrentes: oferecer opções de efeitos de profundidade, borrando o fundo e deixando o objeto principal em destaque. Além disso, uma delas tira fotos apenas em tons de cinza. A câmera de selfie é de 5 MP.

Há um leitor de impressões digitais na frente, compatível com os tradicionais gestos de comando dos celulares da Motorola, e, atrás, suporte aos acessórios modulares da fabricante, os Moto Snaps. De fábrica, o aparelho chega com Android 7.1 Nougat, mas com atualização garantida para o 8.0 Oreo.

Junto ao smartphone, a Motorola também anunciou novos acessórios modulares para a linha Z. Um deles é um Moto Snap de câmera 360 graus, que permite ao usuário capturar fotos, vídeos e até fazer transmissões ao vivo pela internet com áudio tridimensional. O outro é o Gamepad, que dá a qualquer Moto Z botões extras e controles para games.

O Moto Z2 Force pode ser comprado a partir de hoje no Brasil pelo preço sugerido de a partir de R$ 2.999, sem qualquer Snap no pacote.

Moto G5S e G5S Plus

Reprodução

A linha Moto G também ganhou um update com dois novos modelos, que na verdade são atualizações dos Moto G5 e Moto G5 Plus lançados no começo deste ano. Os novos aparelhos têm acabamento premium, com um corpo em metal, e especificações levemente melhoradas.

O Moto G5S tem tela Full HD de 5,2 polegadas, câmera traseira de 16 MP, câmera de selfies de 5 MP, com foco mais aberto e flash frontal, e bateria de 3.000 mAh. Já o Moto G5S Plus é um pouco maior: a tela Full HD tem 5,5 polegadas, e ele conta com câmera frontal de 8 MP, flash frontal e ângulo "panorâmico". Atrás, a câmera é dupla, unindo dois sensores de 13 MP.

Assim como no Moto Z2 Force, aqui o conjunto de duas câmeras permite que o usuário ative um modo de "foco seletivo", podendo destacar o objeto em primeiro plano e borrar o plano de fundo, ou o contrário. É possível também aplicar um filtro monocromático em um dos planos e até trocar o plano de fundo, como num "chroma key".

O restante das especificações não muda muito. O Moto G5S vem com um processador Snapdragon 430 e 2 GB de RAM, como o G5 "normal", enquanto o G5S Plus vem com um Snapdragon 625, igual ao do G5 Plus original, e 3 GB de RAM. Os dois têm bateria de 3.000 mAh e 32 GB de armazenamento interno.

Assim como os modelos anteriores, os novos Moto G também vêm com sensor de impressões digitais. O Moto G5S e o Moto G5S Plus começam a ser vendidos hoje pelos preços sugeridos de R$ 1.099 e R$ 1.499, respectivamente.

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ