Nova cruiser elétrica custa menos de R$ 12 mil, mas atinge só 50 km/h

EMos WYLD está disponível no mercado australiano. Motocicleta apresenta compartimento que permite trocar pacotes de bateria pela lateral do veículo.

Victor Pinheiro 23/09/2020 15h16
Motocicleta elétrica EMoS WYLD
A A A

A empresa australiana Electric Mobility Solutions (EMos) revelou, na semana passada, um novo modelo de motocicleta cruiser elétrica. A WYLD conta com uma plataforma robusta de apoio para os pés, assento rebaixado e guidões elevados, que garantem a posição de pilotagem confortável comum a essa categoria de veículos.


Apesar disso, a moto apresenta um design bem simples. Já a performance aproxima a WYLD a modelos de bikes elétricas. Com velocidade máxima de 50 km/h, as três versões do veículo têm níveis de potência que variam de 1,5 quilowatts (kW) a 3 kW.

Reprodução

EMos WYLD é equipada com um monitor digital de LCD. Imagem: EMos/Reprodução

Para efeitos de comparação, a e-bike Civante, recentemente anunciada pela Yamaha, chega a velocidades de 45 km/h, enquanto alguns modelos de motos elétricos ultrapassam a marca de 200 km/h. Como ressalta o site Electrek, em alguns países, os limites do veículo viabilizam que pilotos operem a WYLD até mesmo sem licença para dirigir.

A capacidade de bateria da nova motocicleta varia entre 720 watts-hora, 1,2 quilowatts-hora e 1,8 quilowatts-hora. Embora ainda distantes da bateria de muitas motos elétricas do mercado, os equipamentos da WYLD apresentam especificações até três vezes superiores que as capacidades de células energéticas de e-bikes, como os modelos recentemente apresentados pela companhia canadense Kona.

Outro destaque do veículo da EMos é a possibilidade de remover o pacote de baterias de 60V de forma simples, por meio de um compartimento com saída na lateral da WYLD. A bike também conta com pneus largos de 18 polegadas, uma dupla de amortecedores traseiros, um garfo telescópico para a suspensão dianteira e um painel digital de LCD.

Apesar das especificações modestas, o preço pode ser um atrativo. A WYLD chegou ao mercado australiano com um preço inicial de 3 mil dólares australianos ou cerca de R$ 11,8 mil em conversão direta.

Via: Electrek

Bicicleta elétrica veículos elétricos Moto Elétrica
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você