Novo tipo de contraste pode ajudar médicos a enxergar células de câncer

Contrastes são substâncias químicas usadas por médicos para destacar, por meio de uma tomografia, regiões do corpo de um paciente que se encontram em estado normal ou patológico. Um novo meio de contraste criado por pesquisadores da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, pode ajudar a localizar com mais facilidade células de câncer.

A substância emite luz visível quando está sob uma projeção de luz quase infravermelha, assumindo formas visíveis a olho nu mesmo em camadas mais profundas da pele. Desse modo, será possível enxergar com clareza tumores mais próximos a superfície da pele, como câncer de mama e melanoma.

O contraste deixa o corpo do paciente naturalmente em menos de um dia, diminuindo o risco de efeitos colaterais. Com ele, os médicos poderiam identificar com mais facilidade o tumor a ser removido em uma mesa de cirurgia, por exemplo, tornando o processo mais rápido e menos traumático para o paciente.

Via Nature

O Natal está chegando. Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ