youtube music

YouTube 'rouba' vídeo de artista que faz vídeos incríveis com dominó

Rene Ribeiro 27/12/2018 09h00
Compartilhe com seus seguidores
A A A

O YouTube é famoso pela sua política agressiva de proteção de direitos autorais, que muitas vezes gera punições injustas a produtores de conteúdo. No entanto, a empresa não demonstrou a mesma preocupação recentemente quando ela própria acabou ferindo os direitos autorais de um canal do próprio YouTube.


Isso aconteceu no perfil do YouTube no Twitter. A empresa decidiu compartilhar um vídeo de uma artista chamada Lily Hevesh, especializada no uso de dominós sem dar qualquer crédito à criadora do conteúdo. Para piorar, o material foi editado, cortando a introdução que dá boas vindas aos espectadores do canal.

O vídeo original de Hevesh, publicado no YouTube em 23 de dezembro, tem pouco mais de 70 mil visualizações. Já a versão editada publicada no Twitter do YouTube, já está com mais de 497 mil visualizações.

Esse é o vídeo original de Hevesh

Hevesh utiliza o YouTube, essencialmente, como uma forma especializada de publicidade para o seu trabalho. Ao retirar a atribuição de Hevesh quando levou o vídeo a um público mais amplo, o tweet do YouTube - enviado para 71 milhões de inscritos - impede que Hevesh obtenha o reconhecimento que deveria ter pelo seu próprio trabalho, além de levá-la a um prejuízo na própria plataforma.

"Estou muito feliz em ver que meu cartão de Natal com dominós está sendo bem utilizado", twittou Hevesh no Natal. "No entanto, estou um pouca desapontada com o fato de o YouTube ver meu vídeo e enviá-lo novamente em uma rede social sem absolutamente nenhum crédito".

O problema é ainda mais amplo. Os criadores de conteúdo do YouTube, como Hevesh, contam com assinantes e visualizações para ganhar dinheiro com anúncios e também garantir ofertas de patrocínio. Por isso, quando o Youtube não direcionava os espectadores para a conta do YouTube de Hevesh, a empresa acabou prejudicando Hevesh financeiramente, tanto pela quantidade de visualizações, quanto pela publicidade que poderia ganhar.

Reprodução

O vídeo de Hevesh, editado e publicado pelo Twitter do YouTube, sem os créditos a autora

Uma usuária, aparentemente seguidora da artista Hevesh, twittou a seguinte mensagem: "Feliz Natal! O YouTube acaba de pilhar um de seus próprios criadores ”, escreveu Sabrina Cruz.

Reenviar vídeos sem mencionar os devidos créditos é uma prática que o YouTube condena explicitamente. As diretrizes e a página de políticas da comunidade do YouTube especificam que os criadores de conteúdo devem apenas "carregar vídeos que você fez ou está autorizado a usar".

Mas o YouTube possui uma licença limitada para vídeos de pessoas, então, legalmente, a empresa pode receber o conteúdo e fazer o upload de Hevesh para sua conta no Twitter. Porém, o problema é ético.

"Eu simplesmente não entendo", seguiu Hevesh. "O YouTube criou o Content ID para proteger os criadores de ladrões de direitos de seus vídeos, mas aqui eles estão fazendo o upload do trabalho das pessoas para fins promocionais sem crédito".

O YouTube reconheceu seu erro em um tweet de acompanhamento no dia 26 de dezembro, conectando o canal de Hevesh. Mas a audiência de Hevesh já ficou prejudicada. E agora, YouTube? Só nas desculpas?

-> YouTube: como baixar vídeos, ouvir música com a tela bloqueada e outras dicas!

Youtube vídeos
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você