Olho biônico devolve visão a mulher depois de 15 anos

Jamie Carley, uma mulher do Colorado, nos Estados Unidos, foi uma das primeiras pessoas do mundo a receberem um transplante de olho biônico. De acordo com o jornal Denver Post, Carley sofre de retinite pigmentosa, uma doença que mata lentamente as células da retina, deixando o paciente cego.

Em uma cirurgia de 5 horas, a mulher, que não enxergava nada, recebeu o implante de um olho biônico que possui um microchip embutido e uma câmera, responsável por transmitir as imagens ao chip. Ele, por sua vez, estimula o nervo óptico e envia as informações recebidas ao cérebro, o que faz com que Carley “veja” as imagens.

"Estamos muito animados com a operação. O interessante é que o olho realmente funciona. Ele irá ajudá-la a andar pela casa, ir ao supermercado", explica Dr. Naresh Mandava, um dos responsáveis pela cirurgia.

Por algum tempo, a paciente começará um processo de reabilitação, para aprender a melhorar a visão usando o cérebro. Por cinco anos, Carley será acompanhada por médicos e pesquisadores com o objetivo de verificar seu progresso.

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ