Projeto de crowdfunding com inteligência artificial quer acabar com a corrupção

Não é segredo algum que o Brasil acumula grande prejuízo financeiro por conta da corrupção que assola diversos setores do país, principalmente o político. Um projeto de crowdfunding que está chamando bastante atenção na internet, contudo, quer acabar com a corrupção. E vai usar inteligência artificial para fazer isso.

Chamado de “Operação Serenata do Amor”, o projeto já ultrapassou a meta estipulada de R$ 61.280 e atualmente conta com R$ 73.312 de investimento no site Catarse.

A ideia consiste em analisar todas as notas fiscais e comprovantes de verba indenizatória usando um algoritmo de machine learning que vai cruzar esses dados com diversos bancos de dados e, com isso, encontrar desvios e possíveis casos de corrupção.

O objetivo é não deixar que casos que já aconteceram no passado se repitam. Houve, por exemplo, o aluguel de imóveis de parentes de políticos por valores superfaturados, o pagamento de contas de restaurante no valor de R$ 1.495 e até a compra de bebidas alcoólicas por um parlamentar em um restaurante de Las Vegas, nos Estados Unidos.

Cifras altas

Esse tipo de processo já é feito de forma manual. Nos últimos três anos, foram devolvidos mais de R$ 5 milhões. Apesar de parecer impressionante, esse número ainda é bastante baixo já que somente no ano passado o valor gasto com verbas indenizatórias foi de mais de R$ 213 milhões.

E se você ficou impressionado com o número acima, é melhor se preparar. De acordo com dados da FIESP, em reportagem da revista Exame, a cada ano são desviados em média R$ 69 bilhões dos cofres públicos. Em publicação do Estadão, o coordenador da Operação Lava Jato Deltan Dallagno diz que a quantia desviada é ainda maior: R$ 200 milhões.

Como contribuir

Quem quiser ajudar com o projeto pode investir valores como R$ 15, R$ 45, R$ 55, R$ 80, R$ 150, R$ 750, R$ 1.000 e R$ 1500 ou mais diretamente pelo site da campanha.

Como de praxe, as recompensas variam de acordo com o dinheiro investido. Elas podem incluir bombons, carta de agradecimento, adesivo, caneca, camiseta, relatórios detalhados e consultoria em ciência de dados. Os “brindes” serão entregues entre outubro e novembro deste ano.

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ