Quase 90% dos dispositivos Android possuem falhas de segurança

Uma pesquisa realizada pela Universidade de Cambridge, nos Estados Unidos, avaliou o grau de segurança do sistema Android instalado nos smartphones e tablets das principais fabricantes do mundo. De acordo com o estudo, 87% dos dispositivos com o sistema do Google estão expostos a algum tipo de vulnerabilidade.

Os modelos avaliados foram fabricados por LG, Samsung, Sony, Motorola e HTC, além dos smartphones e tablets Nexus do próprio Google. Para o estudo, a universidade disponibilizou na loja de apps Google Play um aplicativo que monitorava - com a permissão do usuário - o status de atualizações do sistema.

O cálculo foi feito levando em conta o número de aparelhos com Android atualizado, quanto tempo cada dispositivo levava para receber um update que corrigisse alguma falha de segurança conhecida e a quantidade de falhas a que cada versão do sistema estava exposta. Desse modo, os pesquisadores chegaram à conclusão de que os celulares Nexus, do Google (não vendidos no Brasil) são os mais seguros.

Em segundo lugar, aparece a linha de dispositivos Android da LG, seguida por Motorola, Samsung, Sony e HTC. Para os pesquisadores, esse alto índice de aparelhos vulneráveis se deve ao atraso com que essas fabricantes recebem e disponibilizam atualizações de segurança para os usuários.

Via Ars Technica

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ