Tim Cook Felizão

Quer almoçar com o presidente da Apple na nova sede da empresa? Veja como

Gustavo Sumares 03/05/2017 11h53
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Que tal viajar até a Califórnia para almoçar com Tim Cook, o presidente-executivo da Apple, na nova sede da empresa que está prestes a ser inaugurada - e de quebra ainda levar um acompanhante? Por incrível que pareça, você não precisa ter negócios com a fabricantes de iPhone para realizar isso. Você só precisa estar disposto a desembolsar uma boa grana.


A Apple está realizando um leilão em parceria com o site de caridade Charitybuzz para vender um almoço com Cook no Apple Park, a futura sede da empresa. Todo o dinheiro arrecadado com o leilão irá para o Robert F. Kennedy Justice & Human Rights Center, uma instituição de caridade voltada para a promoção de políticas de direitos humanos no mundo todo.

Almoço salgado

E deve ser muito dinheiro: com mais de 13 dias restantes para o encerramento dos lances, o leilão já está em US$ 84,888 (cerca de R$ 267 mil). A empresa estima um valor mínimo de US$ 100 mil (R$ 314,7 mil) para o lance final, mas o valor ainda deve ficar bem acima disso.

Isso porque Cook já realizou leilões semelhantes nos anos anteriores - e em todos eles o valor final superou em muito as espectativas da empresa. Segundo o 9to5Mac, a primeira vez que a proposta foi feita, em 2013, o almoço foi arrematado por US$ 610 mil (R$ 1,919 milhões). Em 2014, ele fechou em US$ 330.001 (R$ 1,04 milhões) - um valor curioso, que sugere que o vencedor deu um lance apenas um dólar maior do que o do segundo colocado.

Em 2015, o almoço com Cook se desvalorizou e rendeu "apenas" US$ 200 mil (R$ 630 mil) à instituição de caridade; mas esse valor se recuperou em 2016, quando ele foi vendido por US$ 515 mil (R$ 1,62 milhões). 2017, no entanto, pode ver esse valor atingir um novo recorde, já que será a primeira vez em que o almoço se realizará no prestigioso Apple Park.

Apple Negócios Tim Cook
Compartilhe com seus seguidores

Recomendados pra você