Redes sociais: a grande ferramenta do marketing digital colaborativo

Empresas têm investido em ações de entretenimento no Facebook ou Twitter para promover suas identidades, produtos e serviços

Stephanie Kohn

Hoje em dia muito se fala do marketing digital colaborativo - uma maneira de disseminar os conteúdos por meio das redes sociais e multiplicar o alcance das ações. O processo é simples e inteligente: a empresa e sua marca promovem ações de relacionamento com seus clientes e os próprios clientes ajudam a espalhar as informações por toda a rede.

Neste contexto, agências têm investido em algo que chamam de "Brand Entertainment", uma nova e poderosa ferramenta de comunicação publicitária que une o entretenimento à uma marca em um determinado formato, seja internet, eventos ou espectáculos.

O objetivo principal é dar às empresas a oportunidade de promoverem a sua identidade, os seus produtos ou os seus serviços, junto dos seus públicos-alvo, de um modo direcionado e impactante. É uma boa forma de promover a marca desenvolvendo jogos e ações divertidas para aumentar a interação com os consumidores que usam a internet.

Uma das maiores vantagens desta nova ferramenta é que o consumidor tem total controle sobre sua experiência com a marca, por apresentar uma carga emocional muito mais intensa do que as tradicionais. "As ações de marketing interativo são usadas para fixação de marca ou de um conceito relacionado a ela. As empresas usam o Brand Entertainment para incrementar sua presença na web ou para atrelar conceitos de modernidade e inovação à sua marca", diz Marlon Souza, diretor executivo da agência Morphy.

A novidade, no entanto, é que a plataforma das redes sociais, em especial do Facebook, permitem realizar uma série de ações de marketing específicas para um público. Este tipo de ação viral na internet aumentou muito com a repercussão espontânea entre os usuários e começou a despertar o interesse de anunciantes mais tradicionais. Isso porque é possível mensurar resultados por meio de comentários e sugestões publicados pelas pessoas que interagiram com a ação. "As empresas mais convencionais sentem que de alguma forma precisam surfar nesta onda da interatividade nas redes sociais", conta o publicitário.

Outra tendência diretamente vinculada às redes sociais é a explosão da mobilidade. As pessoas estão cada vez menos presas ao computador de mesa e notebooks. Com a evolução dos smartphones, o contato com as ferramentas de relacionamento é feito diretamente pelo celular, por isso que a atuação neste cenário de Facebook’s e Twitter’s é o que gera melhores resultados.

Seja no computador ou no celular, o sucesso de uma ação de marketing de entretenimento online - o Brand Entertainment - não foge muito do conceito do marketing tradicional. A disseminação espontânea de uma ação no meio digital dependerá sempre da sua atratividade e relevância do conteúdo frente ao público a ser atingido.

Vai às compras na BlackFriday? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ