Relógio é alimentado pelo bombeamento do coração

Relógio é alimentado pelo batimento do coração

Redação Olhar Digital 12/01/2017 12h26
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Pesquisadores suíços conseguiram modificar a tecnologia de relógios de 250 anos para transformá-los em marca-passos. Tradicionalmente, esse tipo de dispositivo é alimentado por uma bateria que precisa ser substituída de tempos em tempos mediante cirurgia.

"As contrações contínuas e poderosas de um coração humano idealmente qualificam-se como um substituto da bateria", explicam.

Antigamente, os relógios usavam o movimento dos pulsos dos usuários para funcionar. “Um dispositivo movido pelo próprio corpo daria a capacidade de captar a energia continuamente no interior do corpo”, explica Andreas Haeberlin, cardiologista e um dos pesquisadores.

Há uma espécie de bateria de reserva para garantir que o aparelho funcione em qualquer circunstância.

Os pesquisadores afirmam que estão realizando mais estudos para testar os efeitos do dispositivo no corpo e suas possíveis limitações, mas que é possível que a substituição de baterias seja algo do passado em breve.

Via TechCrunch

Tecnologia
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você