5

Review: Notebook Samsung 9 Series (900X3A), o "bonitão" da marca

Igor Lopes 17/08/2011 18h12
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Apesar do design e performance agradarem, o preço desanima: R$ 4.999,00

Fino como o MacBook Air, rápido como um desktop potente, portátil como um netbook. Assim podemos resumir o Samsung 900X3A (9 Series), novo modelo que a empresa disponibiliza no mercado. Ele é equipado com um processador Intel Core i5 (Sandy Bridge) e disco SSD, o que faz com que esse pequenininho seja bastante esperto na execução de suas funções.



Case/Design

A apresentação do produto já nos surpreende. Ele vem dentro de uma caixa, com um acabamento tão perfeito quanto o próprio laptop. O pequeno equipamento, que mede 32,8 x 1,6 x 22,7 cm (LxAxP), pesa apenas 1,35 kg e impressiona tanto pelo minimalismo como pela aparente resistência. Outros laptops similares parecem frágeis, enquanto o Samsung 9 dá a impressão de aguentar trancos mais fortes. Isso porque ele é construído por uma liga de duralumínio, que oferece robustez e, ao mesmo tempo, boa aparência. De acordo com a Samsung, esse material é utilizado na manufatura de objetos militares, e é duas vezes mais forte que o alumínio comum. Nas laterais, o acabamento do material é feito em linhas curvas, transmitindo ainda mais a ideia de leveza. O problema do duralumínio é a quantidade de marcas de dedos que ficam impressas em sua superfície... Mas, para isso, a fabricante oferece um paninho de microfibra que vem "de presente", dentro da caixa.

A tela de 13,3 polegadas e o teclado parecem feitos de uma única peça. Não existem grandes encaixes, parafusos aparentes ou nada que indique alguma conexão, a não ser a da energia. Todas as outras portas (1 USB 3.0, 1 USB 2.0, 1 mini HDMI, 1 cartão Micro SD, 1 adaptador para Ethernet, entrada única para microfone e headphone, e porta Kensington) ficam escondidas por duas "portinhas", uma em cada lateral do equipamento. Assim, o design da lateral não sofre intervenções de "objetos estranhos". Vale destacar, aqui, a presença do USB 3.0, que oferece maior velocidade de transferência de dados. E mais: graças a uma tecnologia chamada "Sleep & Charge", periféricos podem ser carregados pelo USB mesmo com o laptop desligado. Aliás, o drive de DVD vem à parte: basta plugá-lo no aparelho.

O detalhe da Ethernet também é curioso: o produto vem com um adaptador para que o laptop consiga acessar a rede cabeada. Mesmo que a real intenção desse produto seja se conectar a redes wireless, esta é uma diferença a favor do 9 Series se comparado com o MacBook Air, um de seus principais concorrentes.

Teclado/Tela

A tela de 13,3 polegadas é bem iluminada, com boa resolução (1366 x 768). As cores são bem vibrantes, e isso faz com que fotos e vídeos fiquem bastante atrativos ao serem exibidos nesse display. Por outro lado, a tela não oferece sistema anti-reflexo, o que faz com que a utilização desse equipamento em ambientes muito claros seja um pouco problemática...

Com relação ao ângulo de visão, o produto oferece uma boa abertura. Isso é bom para pessoas que precisam compartilhar as informações da tela com outros mas, por outro lado, é um problema se você gosta de ter privacidade e evitar "pescoçudos" prestando atenção no que você está fazendo.

E até o design do interior do aparelho é bem minimalista. O teclado é bastante confortável, em formato "chiclete", e é retroiluminado no escuro. A retroiluminação é ativada por um sensor, que controla não só o brilho do teclado como também a luminosidade da tela. Se essa função o desagrada, é só desabilitá-la.

Acima da tela há uma webcam de 1,3MP (padrão do mercado) e, na base da tela, estão as luzes de indicação de carga, HD e power (de novo, bem discretas e minimalistas). Uma solução interessante para esse teclado é encontrada nas teclas "Function", já que elas ganham cada vez mais funções (com o perdão do trocadilho). Um botão, o "FN Lock", inverte as funções dessas teclas e aí é mais fácil aumentar/diminuir volume, aumentar/diminuir brilho da tela etc.

No touchpad, não há divisão entre botões e área tátil. Isso dá mais espaço para a movimentação dos dedos sem, no entanto, perder a sensação dos clicks. Ao apertar as extremidades inferiores (direita e esquerda), a superfície abaixa e dá até para "sentir" o estalinho na ponta dos dedos.

Performance

No "coração" desse laptop está o Intel Core i5 (geração Sandy Bridge - 2537M @1.40GHz), e 4 GB de memória RAM DDR3. Mesmo com o clock baixo, esse processador tem um bom desempenho. Duas tecnologias, nativas do processador, ajudam a dar mais velocidade ao pequenininho. Uma delas é chamada Hyperthreading, que te permite executar mais de uma tarefa ao mesmo tempo, sem exigir tanto do processador - consequentemente, te entregando mais velocidade. Outra tecnologia dessa linha de processadores é chamada Turbo Boost, que automaticamente aumenta ou diminui a performance do processador de acordo com a sua necessidade, fazendo com que ele "trabalhe menos" em momentos ociosos (isso também ajuda na economia de energia). Nos testes de benchmark (abaixo), os números são respeitáveis. Se você é do tipo que não vai exigir muito da máquina - utiliza o laptop para navegar na internet e executar tarefas mais simples -, terá um equipamento que entrega até mais do que você precisa. Mas, caso sua intenção seja editar vídeos ou realizar tarefas mais pesadas, e precisa de um notebook ultrafino, talvez o Sony Vaio Z seja uma melhor escolha.

3DMark06
1577 pontos

PCMark Vantage
6821

Índice de Experiência do Windows
Processador - 5,2
Memória RAM 5,9
Elementos gráficos - 4,6
Gráficos de jogos - 5,8
Disco rígido primário - 7,4
Total: 4,6

Outro detalhe interessante é a velocidade de boot da máquina: 17 segundos. Essa característica é garantida graças ao SSD, que substitui o HD tradicional. A capacidade dos SSDs disponíveis no mercado ainda não é tão grande, por isso, é bom ficar esperto com os arquivos armazenados e fazer uma limpeza de tempo em tempo.

HDTune Pro 4.61 (velocidade do SSD)
SSD Samsung MZMPA128HMFU, 128GB mSATA
Velocidade de transferência mínima: 109.2 MB/s
Velocidade de transferência máxima: 237.3 MB/s
Velocidade média: 219.8 MB/s
Tempo de acesso: 0.152 ms
"Burst" Rate: 71.5 MB/s
Uso da CPU: 1,8%

A placa gráfica integrada (Intel HD Graphics 3000) também oferece um bom desempenho, permitindo visualização de fotos e vídeos em HD sem dificuldades. Como é praxe em laptops tão finos, o equipamento não tem um drive de DVD. Portanto, prepare-se para carregar um pen drive a todo momento para transferência de vídeos e música da internet. Já a bateria de 6 células, em uso constante, durou 3h 25 minutos (software Battery Eater).

Conclusão

Dificilmente, o design do aparelho desagradará alguém. O produto realmente é muito bonito, transmitindo uma ideia de leveza e resistência. O duralumínio também parece ser uma ótima solução para o acabamento, apesar das constantes marcas de dedo (mas o que dizer do black piano então?). Mais forte que o alumínio, ele oferece uma maior resistência ao produto. De qualquer forma, não exagere: não queira levar o seu ultrafino para a guerra!

A performance é outro ponto a ser destacado. Um ultrafino dificilmente será utilizado para tarefas mais pesadas - para isso existem os desktops e laptops mais poderosos. Tendo isso em vista, o Samsung 9 Series é mais que suficiente para o seu dia a dia - além de ser super portátil e leve. A tela é excelente (em ambientes com luz controlada) e a adição do USB 3.0 também foi uma boa sacada da empresa. O teclado é bastante confortável e as soluções encontradas para facilitar o acesso às funções das teclas "F" também agrada.

Uma vantagem - que também é uma desvantagem - é o SSD. Ele entrega mais velocidade, mas limita o armazenamento de informações. Para quem adora carregar músicas e filmes, ele pode representar um problema para o usuário.

É claro, o preço também não poderia ser uma pechincha. Uma máquina dessas custa R$ 4.999,00. Mas se você está a fim de um ultrabook potente, precisará tirar o escorpião do bolso! A concorrência também cobra caro por modelos similares.



Especificações técnicas:

Processador: Intel Core i5 2537M 1.4 GHz
Memória: 4096 MB, PC3-10600 1333MHz 2x2048MB
Placa gráfica: Intel HD Graphics 3000, 8.15.10.2266
Tela: 13.3 polegadas 16:9, 1366x768 pixel, Samsung LTN154P1-L03, WXGA SuperBright Plus
SSD: Samsung MZMPA128HMFU, 128GB mSATA
Conexões: 1 USB 2.0, 1 USB 3.0, 1 HDMI, 1 trava Kensington, combo headphone/microfone, leitor de cartões micr SD, mini HDMO
Tamanho (altura x largura x profundidade): 16.3 x 328.5 x 227 mm
Peso: 1.356 kg Adaptador de energia: 0.25 kg
Bateria: 46 Wh Lithium, 7.4V 6.300mAh 6 células
Preço: R$ 4.999,00
Sistema Operacional: Microsoft Windows 7 Professional 64 Bit
Adicionais: Webcam: 1,3 MPixel SVGA, Microsoft Office 2010 Starter, Samsung tools, Recovery Solution, Support Center, 24 meses de garantia

Laptops Samsung review Ultrabook
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você