Revista assinada por Steve Jobs é leiloada por mais de R$ 160 mil

O excêntrico fundador da Apple, Steve Jobs, morreu em 2011 deixando uma legião de fãs em todo o mundo. Um desses fãs acaba de pagar mais de US$ 50 mil, equivalente a mais de R$ 160 mil em conversão direta, por uma rara revista autografada pelo ex-CEO.

Segundo o CNET, que reportou a história, o preço foi para o alto por um simples motivo: Steve Jobs não dava autógrafos, a não ser em ocasiões muito raras. A revista, uma edição de 1988 da norte-americana Newsweek, pertencia a Diane Williams, uma antiga colega de Jobs, que o convenceu a assinar a peça.

Williams diz que encontrou Jobs pessoalmente em outubro de 1988 quando ela trabalhava para a empresa de software Lotus e era uma das convidadas no evento de lançamento do NeXT, primeiro computador produzido pela empresa de Jobs fundada após sua saída da Apple.

A executiva contou que levou uma revista até Jobs nos bastidores do evento e pediu que ele a assinasse. O fundador da NeXT disse que não dava autógrafos, ao que Williams teria respondido: "escreva alguma coisa do seu coração, então". Ela conta que Jobs sorriu e escreveu: "eu adoro fabricar".

O comprador não teve seu nome revelado. A organizadora do leilão também vendeu, em março deste ano, um pôster promovendo um evento da NeXT em 1992 assinado por Jobs por US$ 19 mil. Quatro anos atrás, foi leiloado no mesmo local um contrato de prestação de serviços assinado pelo executivo em 1978 arrematado por US$ 40 mil.

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ