Robôs podem começar a aprender como bebês humanos

Os robôs podem começar a aprender brincando, assim como os bebês humanos. A ideia, de uma equipe da Universidade Carnegie Mellon, é tornar as máquinas capazes de interagir com os humanos tão bem quanto as próprias pessoas.

O método prevê que os robôs brinquem com objetos físicos do cotidiano e explorem o mundo.

"Estudos psicológicos mostram que se as pessoas não conseguem modificar o que veem, sua compreensão visual da cena é limitada. A interação com o mundo real expõe à dinâmica visual”, explica Lerrel Pinto, estudante de PhD e um dos responsáveis pelo estudo.

O grupo usa uma técnica chamada “aprendizagem adversarial”, semelhante a um pai ensinando uma criança a pegar uma bola, jogando-a de maneira cada vez mais difícil. Por enquanto, os resultados mostram que as máquinas aprendem mais rápido do que aprenderiam da maneira tradicional.

Veja os robôs em ação: 

Via DigitalTrends

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ