Saiba quanto a Apple gasta para produzir cada unidade do iPhone X

O iPhone X chegou recentemente ao mercado como o celular mais caro já vendido pela Apple. Nos EUA, o aparelho custa US$ 1.000; aqui no Brasil, nada menos do que R$ 7.000. Mas quanto será que a empresa gasta na produção de cada unidade?

Como já é tradição, a empresa de consultoria IHS Markit divulgou nesta semana um relatório com a estimativa de preço de cada componente usado na montagem de um iPhone X. A conclusão é de que a Apple gasta US$ 370,25 em cada modelo de 64 GB, o que equivale a cerca de R$ 1.200 em conversão direta.

Ou seja, além de ser o smartphone mais caro da Apple para quem compra, é também o mais caro para quem produz - no caso, a empresa da Maçã. Como comparação, o iPhone 8 Plus de 256 GB, por exemplo, custa US$ 320, também segundo um levantamento da mesma IHS Markit. O rival Galaxy S8, por sua vez, custa US$ 302.

O número leva em conta apenas o preço acumulado de cada componente usado na fabricação de um iPhone X, e não todos os outros gastos com pesquisa, desenvolvimento, marketing, logística e outros investimentos paralelos, que certamente influenciam a etiqueta de US$ 1.000 do produto final.

O relatório também traz o preço de componentes específicos. O sensor TrueDepth, usado no scanner facial do Face ID, por exemplo, custa US$ 16,70 para ser montado. Já a tela OLED de 5,8 polegadas, somada ao vidro externo e ao sensor de pressão 3D Touch, custa US$ 110.

Celular, fone de ouvido, notebook. A BlackFriday está recheada de ofertas, mas nem todas são vantajosas. Com a nova extensão do Olhar Digital, você encontra o menor preço e também cupons de descontos. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ