Intelbras

Sistema de iluminação de emergência é importante; fique atento

Equipe de criação Olhar Digital 16/08/2016 16h13
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Equipamentos de segurança são objetos que esperamos nunca usar, mas precisam estar disponíveis. A iluminação de emergência, por exemplo, é um dos itens exigidos pelo corpo de bombeiros ao fazer vistorias para conceder alvarás de segurança. Acontece que, mais do que uma simples burocracia, a existência desse equipamento não é à toa e pode evitar que um pequeno contratempo, como uma queda de energia por exemplo, torne-se um acidente mais grave. Em casos de incêndio, manter os ambientes iluminados e bem sinalizados, com o auxílio de placas luminosas, evita pânico e auxilia as pessoas a se deslocarem para locais seguros com mais facilidade.

Por que ter sistemas de iluminação de emergência em casa?

Faz parte da cultura do brasileiro. Quando há alguma queda de energia, o mais comum é que se tenha velas e fósforo sempre a mão. O problema é que essa prática é perigosa e pode causar incêndios de grandes proporções. Dessa forma, é muito mais seguro optar por sistemas de iluminação de emergência e abandonar de uma vez por todas as velas.

Além de garantir maior proteção, ter iluminação autônoma em casa é fácil e barato, mas para garantir que elas estarão em pleno funcionamento quando você precisar, alguns cuidados são necessários na hora da compra.

Como fazer a escolha do equipamento certo?

Para garantir total segurança tanto para residências, quanto para lugares onde há grande circulação de pessoas, é preciso ficar atento na hora da compra. Veja algumas dicas:

1. Preocupe-se com a qualidade do produto

Como não é um produto usado com frequência, especialmente quando há uma obrigação pela instalação, é comum que as pessoas optem pelo equipamento mais barato e não levem em conta a qualidade. Essa atitude pode significar um grande erro. Lembre-se de que a iluminação de emergência poderá ser acionada daqui a alguns dias, meses ou anos, mas quando usada será em um momento crítico, por isso precisa estar em pleno funcionamento. A aparência delas conta com discrição para ficar o máximo possível imperceptível no ambiente, já que farão parte do visual do seu ambiente de convívio. A Engesul, marca do grupo Intelbras, se preocupa com esses detalhes, por isso todos os itens para iluminação de emergência autônoma, além de possuírem alta qualidade, possuem material anti-UV, ou seja, não amarelam com o tempo.

2. Observe a qualidade das lâmpadas e a durabilidade das baterias

Ao observar o tipo de lâmpadas para iluminação de emergência, a tecnologia recomendada é a de LED. Isso porque, além de mais econômicas, emitem menos calor, possuem maior durabilidade e capacidade de iluminação. A qualidade das baterias também é um item importante. Por isso, as luminárias da Engesul possuem baterias de ion-lítio, com alta durabilidade e que dispensam a realização de manutenção preventiva.

3. Verifique se a luminária possui luminosidade o suficiente para o ambiente em que será instalada

As luminárias se diferenciam de acordo com a luminosidade pelo número de lumens. Veja os tipos:

100 lumens - Esse é o tipo mais comum, que equivale a 30 leds. É eficiente em ambientes de até 30 m² e pode ser portátil. Ideal para lugares como: corredores, escadas, apartamentos, residências, pousadas, casas de praia, campings e pescaria.

A partir de 200 lumens, as luminárias da Intelbras possuem faróis direcionáveis, que permitem o direcionamento da luminosidade de acordo com a necessidade do local.

200 lumens - Ilumina ambientes com até 80 m², como escritórios, lojas, residências, recepções, hotéis, pousadas, rotas de fuga, escadas e corredores.

1000 lumens - Ideal para lugares com até 200 m², como escritórios, hotéis, pousadas, pequenos e médios galpões, garagens, áreas comuns de prédios residenciais e comerciais, recepções, rotas de fuga, escadas e corredores.

2000 lumens - Recomendada para ambientes de até 400 m², como hotéis, pousadas, galpões, garagens, industrias, áreas comuns de prédios residenciais e comerciais, corredores e rotas de fuga.

Para utilizar iluminação de emergência, é preciso buscar informações sobre os produtos, pois existe um modelo específico para cada aplicação. Isso facilitará a sua escolha no momento da compra.

Clique aqui e conheça os produtos de iluminação de emergência da Engesul (marca da Intelbras).

Compartilhe com seus seguidores