Spotify testa inclusão de músicas pagas nas playlists dos usuários

Alguns assinantes da versão gratuita do Spotify começaram a notar que músicas desconhecidas estão aparecendo nas suas listas de reprodução. Trata-se de um novo formato de publicidade que está em testes pela empresa.

O recurso foi flagrado por alguns internautas e confirmado pelo próprio Spotify ao TechCrunch. A ideia é que as gravadoras paguem para que suas músicas apareçam disfarçadamente entre aquelas que a pessoa escuta, uma iniciativa de marketing mais sutil do que usar banners. No exemplo abaixo, a música "Call Me", de NEIKED, aparece como sugestão numa playlist de R&B.

Reprodução

O novo tipo de publicidade poderia ser considerado bem intrusivo e gerar rejeição às músicas promovidas. Mas o Spotify está trabalhando para garantir que o usuário só seja impactado por sons que tenham a ver com seus gostos e com as músicas em reprodução no momento.

É uma evolução em relação ao que ocorria nos primórdios do serviço, quando a pessoa poderia ser interrompida pela voz do Thiaguinho berrando "caraca, moleque!" no meio de uma lista de música erudita.

O Spotify informou que o formato só será lançado oficialmente se o teste for bem sucedido. Caso isso aconteça, apenas pessoas não pagantes serão impactadas — por ora, há como desativar o recurso pelas configurações, mas não se sabe se isso será possível numa eventual efetivação do formato.

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ