França táxi protesto Uber

Taxistas promovem protesto violento na França contra o Uber

Thiago Brizola, editado por Wharrysson Lacerda 25/06/2015 11h15
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Taxistas na França bloquearam hoje os acessos aos principais aeroportos e estações de trem em Paris como parte das ações de um protesto nacional contra o aplicativo de serviços de transportes em carros particulares. Segundo a agência de notícias Reuters, milhares de motoristas estão participando das manifestações.

As imagens abaixo mostram pneus sendo queimados e carros virados ao longo das vias públicas da capital francesa. Não foram registrados confrontos entre motoristas particulares e taxistas, entretanto, a tropa de choque da polícia precisou intervir com bombas de gás lacrimogêneo para dispersar ações violentas do movimento.








 

Já não é de hoje que os taxistas parisienses se queixam do déficit causado pelo aplicativo que é baseado em uma rede de condutores não profissionais. O argumento dos taxistas é que o alistamento de motoristas amadores, que não precisam pagar as taxas de licenciamento para prestar o serviço de transporte, dá ao Uber uma vantagem financeira desleal.

O licenciamento de um taxista na França pode custar até US$ 270 mil, e um representante do sindicato que lidera o protesto diz que a renda dos taxistas caiu entre 30 e 40 % nos últimos anos e atribui esse fator exclusivamente ao aparecimento do serviço alternativo de transporte.
uber
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você