Telegram nega com veemência ter discutido aquisição pelo Google

Surgiram rumores de que o Telegram estaria na mira do Google para uma aquisição por US$ 1 bilhão. É mentira. O fundador do aplicativo Pavel Durov foi enfático na resposta, negando veemência qualquer tipo de conversa com o Google.

Os rumores diziam que houve um encontro entre Sundar Pichai, CEO do Google, e Durov há um ano, justamente para discutir uma aquisição, e a oferta foi rejeitada. No entanto, o criador do aplicativo disse que não houve nada disso.

“Besteira. Eu nunca tive nenhuma conversa ou reunião com o Google sobre aquisições. Eu sou amigo de pessoas no Google e do Sundar, claro, mas aquisição, 1 bilhão – tudo isso é falso”, ele afirmou ao TechCrunch.

Apesar de se tratar de um rumor que se provou falso, a ideia não é absurda. O Google nunca conseguiu se estabelecer em serviços de comunicação, acumulando fracassos como o Google Wave e o Google+. O Hangouts é uma ferramenta interessante e que tem uma base leal de usuários, mas também não chega a fazer frente aos serviços oferecidos pelo Facebook, por exemplo, como o WhatsApp e o Messenger.

A aquisição do Telegram poderia dar um novo fôlego a esta área da empresa, já que recentemente chegaram à marca de 100 milhões de usuários. 

Via TechCrunch

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ