Terroristas estão usando drones domésticos para lançar bombas

Drones têm sido usados para todo tipo de atividade, principalmente no meio audiovisual, mas até para carregar humanos eles já serviram. Recentemente, porém, grupos terroristas passaram a aproveitar essa tecnologia para meios nada divertidos.

O Engadget reportou, com base em noticiários iraquianos, que o Estado Islâmico começou a usar drones comerciais como bombardeiros improvisados. Eles modificam os dispositivos para que sejam capazes não só de carregar, mas também soltar explosivos com o tamanho de granadas em alvos específicos.

O uso de drones, em si, não chega a ser novidade, porque o EI vinha armando veículos não tripulados há algum tempo. O que chamou a atenção é que eles encontraram uma forma de incorporar os quadricópteros, que são bem mais baratos e estão sendo lançados aos montes no mercado — no Brasil, por exemplo, é possível encontrar opções desse modelo por menos de R$ 90.

A imprensa local informa que a nova tática já causou mortes e danos materiais, mas pelo menos até agora o EI não explorou a possibilidade de entregar armas químicas dessa forma.

As forças de segurança do Iraque possuem meios de combater drones, incluindo pistolas que usam ondas invisíveis para interceptá-los. De acordo com o site Rudaw, algumas dezenas de unidades já foram derrubadas.

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ