Tim Berners_lee

Tim Berners-Lee, o criador da web, critica o Twitter

Redação Olhar Digital 23/05/2011 16h19
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Físico falou que o microblog não é lugar para fundamentar discussões e ainda disse que a internet precisa de algo mais sofisticado

O físico britânico inventor da WorldWide Web, Tim Berners-Lee, afirmou que o Twitter é usado, principalmente, por pessoas que expressam opiniões extremas e que a rede "não é um lugar para a discussão racional", segundo informações divulgadas pelo jornal TheTelegraph

A declaração foi feita durante a conferência da Royal Society  'New Web' em Londres, na Inglaterra, onde Berners-Lee também afirmou que, no futuro, todas as redes sociais serão capazes de conversar umas com as outras ao invés de serem limitadas a uma única plataforma. 

O cientista da web ainda disse que o problema das discussões no Twitter é a quantidade de caracteres estipulados. "Todos os tuítes são extremistas. O Twitter não é projetado para o meio-termo. Lá não é um lugar onde você pode fundamentar uma discussão", comentou.

Berners-Lee também falou que notou a forma como os usuários expressam suas opiniões no microblog quando acompanhou  a discussão sobre a neutralidade da rede, um conceito que segue a ideia de que todos os tráfegos online, do vídeo ao email, devam ter a mesma prioridade.

O físico ainda questionou se o Twitter fará parte do futuro da web e ele mesmo respondeu: "Acho que precisamos de algo um pouco mais sofisticado".
Internet Twitter Web
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você