Veja como o Android mais potente do mundo se sai contra o iPhone X

O iPhone X chegou e começou a arrebanhar multidões, apostando não apenas em um novo design, mas também em novas tecnologias, nova usabilidade e componentes que o colocam no topo da lista dos aparelhos mais potentes do mundo segundo diversas ferramentas de benchmark como o AnTuTu. Mas essa vantagem em ferramentas de medição de desempenho se reflete na experiência de uso?

Pelo menos dois testes já foram feitos comparando o modelo com o OnePlus 5T, smartphone chinês que se destaca por ser o smartphone mais rápido do planeta, usando uma combinação do que há de mais potente em processador, com o Snapdragon 835, e 8 GB de memória RAM.

Cada uma das avaliações segue uma metodologia diferente. Na primeira avaliação, do canal SuperSaf TV, o youtuber abre simultaneamente aplicativos correspondentes em cada celular e observa quem abre primeiro. É possível notar uma leve vantagem para o iPhone na maior parte dos casos, com apps e jogos prontos para uso mais rapidamente, mas é plenamente possível encaixar essa vantagem em uma “margem de erro”.

Já o segundo teste é um pouco mais exigente. Realizado pelo canal EverythingApplePro, o teste demonstra como o iPhone X atropela o OnePlus 5T na pontuação do aplicativo de benchmark Geekbench, mas que isso acaba não se refletindo em vantagem prática. O teste analisa a velocidade para a abertura de apps em sequência: assim que um aplicativo está pronto para o uso, a tela é minimizada e o próximo é aberto. Nesse método, o aparelho da OnePlus disparou na frente no meio do teste e só foi alcançado na hora de exportar um vídeo em 4K, que é um ponto mais fraco do Snapdragon 835, e não é algo que os usuários costumam fazer em seus celulares.

Outro ponto notável do teste foi que o OnePlus, com 8 GB de memória RAM, foi capaz de reabrir os apps previamente minimizados muito mais rapidamente que o iPhone X, que, com 3 GB de RAM, precisou priorizar recursos e descarregou apps da memória, tornando o recarregamento dos aplicativos mais lento. Do lado positivo para o iPhone, no entanto, o aparelho religou mais rapidamente, com apenas 20 segundos de carregamento, contra 25 segundos do 5T.

Uma desvantagem bem óbvia do iPhone que ficou evidente no teste foi a aposta nas animações que são símbolo do modelo X, que atrasam bastante a abertura e fechamento de aplicativos em comparação com o 5T, que abre os apps de forma bastante crua, o que faz com que haja menos espera para realizar uma ação.

Por fim, um ponto fraco do iPhone X foi observado na conectividade, que também havia sido percebida em um comparativo com o Galaxy Note 8. O OnePlus 5T alcança o dobre de velocidade de download na comparação do vídeo, enquanto o upload se mantém similar em ambos os modelos.

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ