'Netflix da pirataria", Popcorn Time será bloqueado na Itália

A Corte Criminal de Gênova, na Itália, determinou ontem que provedores de serviços de internet do país bloqueiem o acesso aos sites de onde é possível baixar o Popcorn Time, o "Netflix da pirataria". Os sites afetados são o popcorn-time.se e o popcorntime.io (dois dos mais populares), além do local popcorntimeitalia.com.

O programa, que une serviço de torrents a um de streaming, permite que usuários assitam a filmes instantaneamente pela internet. Enquanto clientes de torrent normalmente baixam os arquivos dos filmes em pacotes desordenados, o Popcorn Time faz downloads dos pacotes de dados na ordem em que eles aparecem no filme, o que permite que os usuários assistam o filme enquanto o baixam e compartilham.

A Justiça italiana entendeu que, pelo modo como funciona, o aplicativo auxilia na infração de leis de proteção de propriedade intelectual, e ordenou aos provedores italianos que bloquêem o acesso de seus clientes aos três domínios citados acima.

O bloqueio dificultará o acesso ao aplicativo, mas não o impedirá totalmente, já que outros domínios além dos bloqueados também permitem baixar o programa. Além disso, usuários que já tiverem o programa conseguirão contunuar a utilizá-lo normalmente. Por conta da natureza descentralizada do serviço, interromper completamente seu funcionamento não é tão simples.

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ