Olhar Digital Pro

Xiaomi phones

Chinesa Xiaomi diz que vai superar Apple e Samsung em 10 anos

Caroline Rocha, editado por Marcelo Gripa 20/11/2014 12h35
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Lei Jun, CEO da fabricante de smartphones Xiaomi, afirmou que a empresa ultrapassará o número de vendas de Apple e Samsung em até 10 anos. Durante uma conferência realizada na China, o executivo falou sobre novos mercados, perspectivas para o futuro e declarou que chegar ao topo não será tão complicado.

Criada em 2010, a novata chinesa teve ascensão meteórica. Nos últimos dois anos, mais que triplicou a venda dispositivos - indo de 5,7 milhões para 19 milhões - sendo que, na semana passada, durante o festival de compras do grupo Alibaba, vendeu 720 mil unidades em apenas 12 horas. Com estes números, a empresa deixou a LG para trás e se tornou a 3ª maior fabricante de smartphones do mundo.

Isso não signfica, porém, que a liderança estará garantida. Em reposta à declaração ambiciosa da Xiaomi, Bruce Sewell, vice-presidente sênior da Apple, desafiou a concorrente a realizar tal feito. “É fácil falar, difícil é fazer isso”, retrucou o executivo nesta quinta-feira.

De olho no Brasil, a fabricante chinesa abriu um escritório em São Paulo no primeiro semestre de 2014 para dar início à estruturação no país - ainda sem previsão de vendas locais. O vice-presidente da empresa, inclusive, é o brasileiro Hugo Barra, ex-vice-presidente da divisão do Android no Google.

Para entender a estratégia de mercado da Xiaomi, apelidada de "Apple chinesa", clique aqui

Via Ubergizmo  

 

Apple Samsung xiaomi
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você