IBM processa Groupon com base em patentes de mais de 20 anos

Entre os anos 80 e 90, a IBM desenvolveu o Prodigy, um serviço online que permite que os usuários tenham acesso a uma ampla gama de serviços de rede, incluindo notícias, previsão do tempo, shopping, painéis de mensagens, jogos, enquetes, colunas de especialistas, banking, ações, viagens e uma variedade de outros recursos.

Por ser um precursor da internet moderna, muitas empresas passaram a utilizar serviços semelhantes. Mas, agora, a IBM está querendo cobrar taxas de licenciamento de patentes. A empresa entrou com uma ação judicial contra o Groupon alegando que quatro patentes foram quebradas. 

De acordo com a empresa, os inventores da IBM que trabalham no Prodigy desenvolveram novos métodos para apresentação dos pedidos e anúncios, e as inovações tecnológicas incorporadas nessas patentes são fundamentais para a comunicação eficiente do conteúdo da internet.

O advogado da IBM informou que desde 2011 a companhia tenta diversas negociações com o Groupon, que se recusa a pagar a licença e continua usando a propriedade intelectual. No ano passado a empresa também processou a Priceline, o Kayak e o OpenTable.

Além dessas, outras gigantes da internet também já receberam ações judiciais da IBM. Em 2006, a Amazon foi processada e, em 2013, o Twitter precisou pagar US$ 36 milhões para resolver o litígio.

Via ArsTechnica

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ