Impostos podem encarecer smartphones de várias marcas; veja lista

Nessa segunda-feira, 31, o governo federal anunciou uma proposta de medida provisória que pode revisar a desoneração do PIS/Cofins para computadores, tablets e smartphones, a chamada "Lei do Bem". Caso o projeto seja aprovado, é possível que diversos aparelhos em circulação hoje no mercado brasileiro fiquem mais caros.

Apple, Asus, Motorola, LG, Sony e Samsung têm aparelhos enquadrados nos critérios da lei, que corta parte dos impostos de smartphones com preços até R$ 1.500 no varejo. Os iPhones 4, 4s, 5 e 5C (modelo A1507), por exemplo, são alguns dos modelos que poderiam sofrer reajustes.

Quase toda a linha de smartphones e tablets da Asus seria afetada, incluindo o recém-lançado ZenFone 2 e o popular ZenFone 5. No caso da Motorola, os modelos XT1032, XT1040 e XT1033 do intermediário Moto G, assim como o Moto X, também estão aptos a receber o benefício fiscal da Lei do Bem.

A lista inclui ainda dezenas de modelos de smartphones da Samsung, incluindo o Galaxy S4 4G e o Gran Prime Duos TV. O Redmi 2, da Xiaomi, também pode ser afetado, assim como diversos aparelhos da Microsoft e Nokia, como o Lumia 930, 640 e 735.

É importante destacar que a proposta de medida provisória ainda será encaminhada ao Congresso, que ainda pode derrubá-la se for o caso. O texto prevê que os benefícios, que zeravam o PIS/Cofins, sejam completamente eliminados, e a tributação retorne ao patamar normal. Há a expectativa de que essas mudanças, se aprovadas, gerem uma arrecadação de R$ 11,2 bilhões para o ano que vem.

Confira a lista completa de smartphones e aplicativos que podem ser beneficiados pela Lei do Bem.

O Natal está chegando. Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ