Novo cabo submarino do Google leva conexões de 26Tbps à Asia

O Google anunciou hoje a inauguração de um cabo submarino de fibra óptica que liga o Japão ao Taiwan, levando conexões de até 26 terabits por segundo ao continente asiático. O cabo inaugurado hoje é na verdade uma continuação, ou "puxadinho", do cabo FASTER, que liga os EUA ao Japão com conexões de até 60Tbps.

De acordo com o anúnciou da empresa, a inauguração do cabo hoje deve fazer com que serviços do Google, como o Gmail, o Youtube e o BigQuery, carreguem mais rapidamente na região. No entanto, pode ser que usuários ainda levem alguns dias para perceber a diferença. Além disso, por tratar-se de uma região propensa a tsunamis e terremotos, o novo cabo deve melhorar a confiabilidade dos serviços.

Segundo a empresa, a Ásia é o continente com maior número de acessos diários à internet no mundo, por isso seu interesse em fortalecer a infraestrutura da região. Além disso, é também no Taiwan que está localizado o maior data center do Google na Ásia, em Changhua.

Um oceano de selfies

Para ilustrar a capacidade de transmissão de dados de uma conexão de 26Tbps, o Google criou uma ilustração mostrando essa capacidade em selfies. De acordo com a empresa, usando uma conexão desse tipo, cada habitante do Taiwan poderia enviar uma selfie para um amigo no Japão a cada 15 segundos, totalizando 138 bilhões de selfies em um dia, sem congestionar demais a rede. Veja o desenho abaixo:

Reprodução

Compras para o Natal? Não deixe de conferir a extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ