Telegram

Rumor: Google tentou comprar Telegram por US$ 1 bilhão

Gustavo Sumares
Compartilhe com seus seguidores
A A A

De acordo com informações de dois sites russos, o Google tentou comprar o aplicativo de mensagens encriptadas Telegram por cerca de US$ 1 bilhão. No entanto, de acordo com as fontes, o negócio acabou não sendo fechado por resistência do próprio Telegram.

A disussão sobre a aquisição teria sido discutida entre os CEOs das empresas: Pavel Durov (do Telegram) e Sundar Pichai (do Google). Embora o Google tenha oferecido um valor total de US$ 1 bilhão à empresa responsável pelo aplicativo de mensagens, o CEO do Telegram teria recusado a compra, considerando que o acordo estava "fora de questão".

Mercado de mensagens

O provável objetivo da aquisição do Telegram pelo Google seria o desenvolvimento de um aplicativo de troca de mensagens que atualizasse ou substituísse o Hangouts. Segundo o Wall Street Journal, a empresa de Sundar Pichai está interessada em ampliar sua presença no mercado de mensagens, e está desenvolvendo um novo aplicativo do tipo desde ao menos dezembro do ano passado.

Esse mercado, no entanto, já é dominado pelo Facebook, que é responsável tanto pelo Messenger quanto pelo WhatsApp. Somados, os dois aplicativos processam cerca de 60 bilhões de mensagens por dia. Segundo o Business Insider, houve também rumores sobre uma compra do WhatsApp pelo Google antes de ele ser adquirido pelo próprio Facebook. 

Aplicativos Google Mercado Negócios Compras telegram
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você