Trânsito de carros autônomos flui melhor sem semáforos, diz estudo

Um estudo realizado por pesquisadores do MIT concluiu que os faróis de trânsito (ou semáforos) não são uma boa maneira de gerenciar o fluxo de automóveis em uma intersecção. Segundo o estudo, sistemas de transporte inteligentes funcionarão melhor (e de maneira ambientalmente mais correta) sem faróis.

Segundo o estudo, a melhor maneira de controlar a passagem de carros por um cruzamento seria fazer com que eles se comunicassem com computadores presentes nas intersecções. Esses computadores, por sua vez, teriam acesso a informações sobre todos os veículos que estivessem se aproximando, e poderiam gerenciar a velocidade deles para que eles atravessassem sem a necessidade de parar completamente.

Num sistema de trânsito composto inteiramente por carro autônomos, esse método poderia ser expandido para que os veículos fossem controlados para formar "comboios" que se alternariam para passar na intersecção. O vídeo abaixo ilustra as vantagens desse esquema sobre o uso de semáforos:



De acordo com os pesquisadores, o sistema de semáforos - que tem mais de 150 anos de idade - não consegue lidar com a imensa quantidade de variáveis presente em qualquer cruzamento. Com isso, pequenas falhas podem causar grandes problemas. "Isso explica por que o trênsito pode se deteriorar rapidamente na cidades, resultando em grandes congestionamentos e elevados custos ambientais e sociais", diz o estudo.

Embora eliminar semáforos possa parecer uma solução radical para o tráfego urbando, os pesquisadores ressaltam que se trata de uma questão "urgente", já que "a infraestrutura de transporte construída hoje estará em operação por várias décadas, e provavelmente passará pela transição rumo a formas de transporte autônomas e inteligente".

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ