Vale a pena usar o 'Instagram Empresas'? Veja como funciona o novo perfil

Nesta segunda-feira, 15, o Instagram liberou o seu novo perfil para empresas no Brasil. O recurso, que já estava em funcionamento nos Estados Unidos, Reino Unido e Nova Zelândia, oferece uma série de ferramentas para as organizações ativas na rede social.

Antes, os perfis eram semelhantes aos dos usuários regulares, com espaço dedicado apenas para publicações e uma descrição da pessoa. Veja como funciona o novo perfil:

O que tem de novo
Agora os perfis de empresas ganharam um botão “Contatos”, onde é possível incluir e-mail, telefone e endereço físico. Essa é a única diferença visível entre um perfil de empresa e um perfil de pessoa.

Já o administrador da conta tem acesso a seção "Insights", com informações e gráficos sobre audiência das publicações, número de contas exclusivas que visualizaram o post, número de contas que clicaram no link do site disponível no perfil, horários em que os seguidores mais acessam a rede social e qual foi a interação deles com o post. Além disso, é possível visualizar sobre os seguidores como gênero, idade e localização.

Por último, também é possível promover publicações, assim como no Facebook, sendo que o usuário paga para divulgar um post para mais pessoas, além dos próprios seguidores e incluir um botão “Saiba mais” com um link para própria página.

Por que isso é bom para as empresas?
Todos esses recursos trazem vantagens para as empresas que querem usar a rede social para atrair mais consumidores.

O botão “Contato”, por exemplo, é uma ferramenta muito útil: negócios que trabalham com vendas e não possuem site próprio, por exemplo, dependiam dos comentários dos seguidores para listar as encomendas e responder dúvidas. Quando um post tem poucos comentários, é mais fácil administrar a interação, porém, quando uma foto recebe muitos comentários, a empresa pode deixar passar algo importante.

Já com as informações do Insights, o empresário pode criar um post mais eficaz e direcionado aos seus seguidores. Assim como a promoção de post pode trazer novos consumidores para a página.

O que precisa melhorar
O Instagram não oferece suporte à exportação de informações por arquivo CSV compatível com Microsoft Excel. Ou seja, é preciso entrar no aplicativo para conseguir visualizar as informações do Insights.

Além disso, empresas e lojas que tenham mais de uma sede terão alguns problemas em relação ao botão “Contato”, pois não há a opção de listar vários locais no perfil comercial. A página de suporte para usuários recomenda que seja indicado “o endereço físico e as informações para contato do local que você mais gostaria de divulgar”.

O perfil comercial também não pode ser visualizado através do site do Instagram pelo desktop, somente pelo aplicativo para dispositivos móveis.

Como ter um perfil comercial
Somente empresas podem ter um perfil comercial no Instagram, ou seja, as celebridades e influenciadores nas redes sociais vão continuar com o perfil normal. Além disso, é preciso que a empresa tenha uma página no Facebook, pois algumas informações, como categoria e site, serão importadas da página.

Apesar de o Instagram dizer que qualquer empresa pode ter um perfil, independentemente do tamanho, para ver as métricas de dados demográficos, como idade e gênero, a conta precisa ter, pelo menos, 100 seguidores.

Para transformar a conta, basta acessar as configurações, clicar em “Mudar para perfil comercial” e seguir as instruções para fazer a conversão (é possível retornar para a conta pessoal depois). A empresa disponibilizou um vídeo ensinando como fazer a mudança:

E o Instagram com isso?
As mudanças no Instagram não são somente para facilitar a interação das empresas com a plataforma. O aplicativo foi comprado pelo Facebook em 2012 e já era de se esperar que o Instagram seguisse o exemplo de sua controladora, que liberou as páginas para empresas em 2007 para criar um novo fluxo de receita.

Oferecendo para as empresas a possibilidade de atingir cada vez mais usuários, a rede social acaba lucrando com os posts patrocinados. A empresa já tinha liberado as publicações patrocinadas em 2015, mas o processo era mais complicado do que o oferecido agora e, mesmo assim, já conta com mais de 200 mil anunciantes.

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ