Amazon Cloud Player para carros

Sprint e IBM vão tornar os carros mais inteligentes

Stephanie Kohn 11/07/2013 13h00
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Sistema vai usar a nuvem para transferir dados de um carro para outro

A operadora americana Sprint acaba de lançar um sistema que leva dados de veículos para a nuvem, permitindo transferir as preferências de um carro para o outro. Informações como estações de rádio favoritas, temperatura de ar condicionado e posições de bancos são armazenadas em um servidor da companhia.

O Velocity Service Bus, como foi chamado, também traz uma forma inovadora de usar dispositivos móveis em veículos. É possível mandar uma rota para o visor do carro, controlar o ar condicionado à distancia e até mesmo localizar o veículo em estacionamento lotado.

O Velocity também pode enviar alertas automáticos aos demais veículos equipados com o sistema, caso um carro deslizar no gelo ou na chuva. As informações são enviadas a uma central de monitoramento de dados da operadora.

O sistema da Sprint usa o software MobileFirst, da IBM, para intermediar a conexão entre o carro e aplicativos para dispositivos móveis. Ele ainda se aproveita de outra aplicação, a MessageSight, para tornar a comunicação dos dados mais rápidas.

Baseado no protocolo Message Queing Telemetry Transport’ (MQTT), criado pela IBM, o MessageSight, aumenta em até dez vezes a velocidade de transmissão de dados do veículo. Uma mensagem para iniciar o carro remotamente pode passar de 60 kilobytes e dois minutos de entrega para 6 kilobytes e 20 segundos de entrega.

O protocolo foi inventado com o propósito de ser simples, leve e capaz de ser utilizado até mesmo por dispositivos com restrições de memória ou processamento, e que estivessem em redes lentas, com alta latência ou pouco confiáveis. Com esses princípios, ele se torna ideal para o conceito de ‘Internet das Coisas’ e comunicação entre máquinas (M2M - machine to machine).

Segmento em alta  

O mercado de "veículos conectados" deve crescer nos próximos anos, segundo um estudo da GSMA (Groupe Speciale Mobile). A previsão é que produtos do setor valerão cerca de US$ 53 milhões em 2018. Em 2012, o valor deles era estimado em US$ 17 milhões.

 

 

Software IBM carro Carro conectado Carros conectados
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você