Compartilhe com seus seguidores
A A A

Novo estudo minimiza o contato entre a água e superfícies

Henrique Freitas, editado por Roseli Andrion 02/07/2019 20h07

Um estudo realizado por pesquisadores do MIT mostrou uma nova abordagem para minimizar o contato entre gotículas de água e superfícies. O principal objetivo é impedir que o gelo se acumule em uma asa de avião ou uma lâmina de turbina eólica, evitar a perda de calor de uma superfície durante a chuva e impedir o acúmulo de sal em superfícies expostas à beira-mar.

Diversos engenheiros já tentaram achar algo que minimizasse o contato de líquidos com as superfícies sobre a qual eles caem. Embora tentativas anteriores tenham se concentrado em reduzir a quantidade de tempo que a gota passa em contato com a superfície, o novo método focaliza a extensão espacial do contato, tentando diminuir a área afetada pela gota.

Pesquisa MIT água
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você