EnglishPortugueseSpanish
publicidade

A fabricante de equipamentos para telecomunicações Ericsson planeja demitir milhares de funcionários nos próximos meses, além de estar considerando grandes cortes adicionais de custos para lidar com a desaceleração do mercado.

Depois da divulgação de resultados de lucro e vendas trimestrais decepcionantes em abril, a empresa afirmou que os menores investimento em redes de telefonia na Europa e América Latina vai exigir novos cortes de custos.

publicidade

Fontes afirmam que a Ericsson deve notificar entre 3 mil e 4 mil funcionários sobre a demissão. Além disso, no primeiro trimestre foram empregadas 115.300 pessoas, contra os 116.300 registrados no mesmo período do ano passado.

Suas ações ainda caíram 26% no ano, tornando se o pior desempenho no índice STOXX Europe 600 Technology Index, levando preocupação aos investidores sobre a capacidade de gestão da empresa.
A companhia não quis comentar as informações.

Via Reuters

publicidade