“Não tá fácil pra ninguém”: essa frase simplesmente não é verdade. Ao longo da última semana, a fortuna do fundador da Microsoft Bill Gates bateu a marca dos US$ 90 bilhões de dólares, de acordo com a Bloomberg. Esse valor faz com que Gates valha o equivalente a aproximadamente 0,5% do PIB dos Estados Unidos, ou a cerca de 1,5% do PIB brasileiro em 2015. 

Embora a Microsoft seja seu empreendimento mais famoso, ela não foi a grande responsável por esse resultado. O crescimento da Fortuna de Gates (que chegou a ser superada por outro bilionário no último ano) se deveu a alta de suas ações em duas empresas menos conhecidas: a Canadian National Railway Company e a Ecolab Inc.

publicidade

A Canadian National Railway Company é a maior empresa ferroviária do Canadá. Ela possui mais de 32 mil quilômetros de rtilhos que conectam nove portos dos EUA e do Canadá, transportando cargas como minérios, containers, automóveis e produtos químicos. No último ano, suas ações se valorizaram 15,53% e, em 2011, Gates chegou a ser o maior acionista da empresa.

Por sua vez, a Ecolab Inc. é uma empresa de serviços de tecnologia, água e higiene. Ela possui cerca de 47 mil funcionários e 25 mil clientes, e tem como objetivo desenvolver soluções para alimentação saudável e para favorecer o meio ambiente. Nos últimos 12 meses, suas ações passaram por uma valorização de 15,44%, marcando o 79º ano consecutivo em que a empresa paga dividendos a seus acionistas, segundo a Exame.

Com a valorização de seus investimentos, Gates ampliou para US$ 13,5 bilhões a sua liderança sobre o segundo homem mais rico do mundo. Trata-se de Amancio Ortega, o dono da Zara. A fortuna de Ortega chegou a superar a de Gates em outubro do ano passado, mas horas após se tornar o homem mais rico do mundo, Ortega perdeu novamente o posto