EnglishPortugueseSpanish
publicidade

De acordo com uma matéria do VentureBeat, o Youtube está planejando uma série de novas funções que deixariam o site de vídeos mais parecido com uma rede social tradicional. As mudanças teriam o objetivo de transformar o Youtube em uma plataforma única por meio da qual usuários pudessem compartilhar tanto vídeos quanto imagens, textos e enquetes.

O projeto é atualmente conhecido como Backstage (palavra em inglês que significa “bastidores”). A ideia dele é dar a cada usuário do site uma espécie de mural onde eles poderiam postar fotos e atualizações em texto, além de vídeos. A aba de acesso ao Backstage ficaria logo ao lado das abas de “Vídeos” e “Playlists” dos canais do site.

publicidade

Se encaixando entre as outras redes

Posts do Backstage ainda poderão ser sincronizados, por exemplo, com uma conta do Facebook, para facilitar a vida de usuários que usam o Youtube para postar vídeos e o Facebook para conversar sobre eles, por exemplo. Assim como os vídeos, esses posts também apareceriam como atualizações para os seguidores das contas. A ideia principal do Youtube é capturar um pouco do tempo que seus usuários passam em outros sites ou redes sociais.

Há ainda outra função do Backstage que parece ser semelhante ao Snapchat, segundo o VentureBeat. Trata-se da possibilidade de compartilhar vídeos que sejam exclusivos do Backstage. Esses vídeos poderiam durar apenas algum tempo antes de serem apagados, e possibilitariam o compartilhamento de imagens mais focadas em determinados grupos de interesse.

Além disso, o sistema de conversas do Backstage também será consideravelmente mais robusto. A empresa pretende criar maneiras de permitir que os comentários dos espectadores sejam respondidos com imagens, GIFs ou outras reações, incluindo vídeos. O Youtube se refere a esse recurso como “rich replies” (respostas ricas).

publicidade

De acordo com o The Next Web, a medida é uma forma de evitar que os usuários mais populares do Youtube “fujam” para o Facebook. A rede social de Mark Zuckerberg vem investindo pesadamente em se tornar uma plataforma de vídeos, especialmente em vídeos ao vivo.