EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Se você acha que colocar uma senha no seu celular vai impedir que outras pessoas consigam acessá-lo, então é melhor ficar em alerta. Pesquisadores da Universidade de Newcastle, no Reino Unido, conseguiram descobrir o PIN de um smartphone através de dados de sensores do dispositivo.

Em um artigo publicado no International Journal of Information Security, os pesquisadores demonstraram como o giroscópio – o sensor que rastreia a rotação e a orientação o aparelho – poderia ser usado para adivinhar um código PIN de quatro dígitos com um alto grau de precisão. 

publicidade

Durante os testes, os usuários precisaram digitar 50 PINs cinco vezes para que o algoritmo dos pesquisadores aprendesse como eles seguravam o telefone ao digitar cada número específico. Com essas informações, a equipe conseguiu craquear as senhas com 70% de precisão.

Apesar de os testes utilizarem um algoritmo específico, a pesquisadora da Escola de Ciências da Computação da Universidade de Newcastle e principal autora do artigo, Maryam Mehrnezhad, destaca o perigo de aplicativos maliciosos que ganham acesso aos sensores de um dispositivo sem solicitar permissão.

“A maioria dos smartphones, tablets e outros aparelhos já estão equipados com uma infinidade de sensores e, como os aplicativos e sites móveis não precisam pedir permissão para acessar a maioria deles, programas mal-intencionados podem secretamente acessar esses dados”, explica.

[Digital Trends]

publicidade