EnglishPortugueseSpanish
publicidade

A equipe do Football Manager anunciou que a próxima edição trará jogadores gays. O assunto, que é um dos maiores tabus do futebol mundial, promete ser abordado de forma natural com os personagens fictícios da franquia de gerenciamento de times. O game encontra-se atualmente em fase beta, com lançamento previsto para o próximo dia 10 para Windows, Mac, Linux e na Steam.

De acordo com os desenvolvedores, apenas os atletas fictícios e das novas gerações do game assumirão a sua homossexualidade. Sempre que um personagem sair do armário, o gerente saberá disso através da sessão de notícias da caixa de entrada do jogo. Logo após, o diretor comercial do time informará um aumento nos lucros da equipe graças à atenção conseguida junto à comunidade LGBT após a revelação.

publicidade

A proposta do Football Manager ao introduzir jogadores gays é tratar a questão com mais naturalidade, ao menos no mundo virtual do game. “Eu acho estranho que isso ainda seja um problema no futebol e então nós decidimos tentar e mostrar às pessoas que se assumir não é um grande problema e pode ser uma coisa positiva”, disse o diretor do jogo, Miles Jacobson, em entrevista à BBC.

O executivo disse ainda que teve reuniões com entidades ligadas ao movimento LGBT e analisou casos de atletas se assumindo em outros esportes. Segundo Miles Jacobson, as notícias de jogadores gays serão pouco comuns no jogo, mas bastante representativas. No entanto, a equipe de desenvolvimento teve que desabilitar a mecânica em ligas de países onde a homossexualidade ainda é considerada ilegal.

Para quem não conhece, o Football Manager é um dos jogos mais famosos nas categorias de gerenciadores de times de futebol. Nele, é necessário administrar as finanças da equipe, bem como armar esquemas táticos, contratar jogadores e outras tarefas de técnico para disputar campeonatos. A franquia, aliás, já é conhecida por incluir novas mecânicas, como as possíveis consequências do Brexit para times ingleses.

O Football Manager 2018 será lançado no próximo dia 10 de novembro para as plataformas Windows, Mac e Linux. Ainda não se sabe se o jogo será vendido no Brasil, já que desde a edição passada a equipe enfrenta problemas de licenciamento com os times nacionais.

publicidade