EnglishPortugueseSpanish

O YouTube vai remover as sugestões de links relacionados dentro do player do aplicativo e site no dia 14 de dezembro. A função permitia que um criador de conteúdo sugerisse algum vídeo relacionado ao que estava sendo reproduzido, mas o Google descobriu que há um grande problema neles: ninguém clicava. E pior ainda: alguns usuários achavam os balões muito invasivos e com a sensação de SPAM.

De acordo com o próprio YouTube, apenas um a cada 20 usuários do site de vídeos clica neste tipo de link sugerido pelos canais. Além disso, diversas vezes estas sugestões levavam o usuário para uma página inválida ou desinteressante, como um vídeo ao vivo já encerrado. A mudança valerá tanto para conteúdos individuais, playlists e transmissões ao vídeo.

publicidade

Os canais poderão continuar sugerindo vídeos de outras formas, como cards e links no final da reprodução, que são mais efetivos, segundo o YouTube. Já os links de terceiros poderão ser postados na descrição de vídeo, como já acontece atualmente, além da página de apresentação ou página do canal, conforme publicou o Engadget.

As mudanças valem tanto para vídeos novos como para os antigos, o que pode gerar momentos em que o YouTuber aponta para o link sugerido que já não existe mais. No entanto, a expectativa é que os usuários tenham uma experiência mais limpa no portal de vídeos e sem avisos e notificações se intrometendo no meio do vídeo.