EnglishPortugueseSpanish
publicidade

A edição de 2018 do WWDC, tradicional evento anual da Apple para desenvolvedores, vai começar no dia 4 de junho. A confirmação veio da própria empresa, que começou a enviar os convites para a apresentação que abre as cerimônias — e que costuma ser marcada por anúncios de novas versões de sistemas operacionais e produtos da marca.

No ano passado, a Apple aproveitou a cerimônia realizada no dia 5 de junho para revelar as atuais versões do iOS e do macOS, e espera-se que os sucessores iOS 12 e macOS 10.14 sejam anunciados neste ano. Há expectativa também de que a empresa fale sobre novos sistemas para a Apple TV e para o Apple Watch, mas ainda não confirmações de nada.

publicidade

A fabricante também usou o keynote de 2017 para anunciar novos iMacs, a segunda geração do iPad Pro e também o HomePod, sua caixa de som inteligente equipada com a Siri. Embora os anúncios tenham sido uma quebra na tradição, visto que o evento é normalmente focado em software, é possível que neste ano a marca dê mais espaço para os notebooks. Enquanto os designs do MacBook com tela Retina e do Macbook Pro ainda são relativamente recentes, o MacBook Air não passa por renovação mais drástica no visual há alguns anos.

Eventuais lançamentos dos hardwares, no entanto, não devem acontecer, ficando só para os próximos meses. Segundo relatos recentes do Digitimes, a produção de uma nova geração de MacBooks Air só deve começar no segundo semestre deste ano mesmo.

Já em termos de software, a Apple libera tradicionalmente uma versão beta do iOS e do macOS para desenvolvedores logo após o fim do keynote. No ano passado, elas foram disponibilizadas ainda no dia 5, com uma versão pública — mas ainda de testes — do iOS chegando ao público final cerca de 20 dias depois.

publicidade