EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Desde que o YouTube ganhou um novo visual no ano passado, usuários de navegadores que não sejam o Chrome sofrem com a demora para páginas do serviço de vídeo carregarem. E, de acordo com um diretor da Mozilla, responsável pelo Firefox, outros browsers demoram até cinco vezes mais para carregar os elementos do YouTube do que o Chrome.

No Twitter, o diretor Chris Peterson explicou que, ao usar uma API chamada Shadow DOM v0 que só está disponível no Chrome, o Google fez com que a velocidade de carregamento do YouTube em outros navegadores, como o Edge e o Firefox, fosse prejudicada.

publicidade

O Google poderia reverter usuários de outros navegadores para uma versão antiga do YouTube que não use a API em questão, mas não faz. A velocidade só é prejudicada na hora de carregar a página e não afeta a reprodução de vídeos.

Ainda segundo Peterson, é possível recuperar o design antigo do serviço em outros navegadores com o uso de uma extensão chamada “YouTube Classic”, que faz com que o tempo de carregamento da página tenha a mesma velocidade no Firefox que ela tem no Chrome.