EnglishPortugueseSpanish
publicidade

As atualizações do Windows 10 podem ser bastante inconvenientes: o sistema operacional reinicia por conta própria para instalar updates, o que pode atrapalhar usuários que estão fazendo alguma tarefa no computador. A Microsoft agora quer usar a inteligência artificial para acabar com isso.

Em um post no blog oficial do Windows, a chefe do programa Windows Insider, Dona Sarkar, explicou como a inteligência artificial pode ajudar a reduzir os incômodos causados pelas atualizações forçadas do Windows. A ideia é que o sistema operacional identifique quando o computador esteja sendo usado e, nesse caso, adie automaticamente a instalação do update para um momento em que ele esteja inativo.

publicidade

Segundo Sarkar, a Microsoft treinou um “modelo preditivo” que consegue prever com precisão o melhor momento para a reinicialização da máquina. “Não apenas vamos checar se você está usando o dispositivo antes de reiniciar, mas também vamos tentar prever se você só deixou o computador de lado para ir pegar um café e vai voltar logo depois,” explicou a executiva.

A empresa diz que já fez testes internos e obteve “resultados promissores”. Agora, a novidade vai começar a ser implementada para membros do programa Windows Insider.

Não é a primeira vez que a Microsoft usa a inteligência artificial para atualizações do Windows. A empresa detalhou recentemente como aplicou o aprendizado de máquina para identificar quais computadores devem receber primeiro um update, e qual pode ter problemas com a instalação.

publicidade