Telltale Games, o estúdio por trás de jogos como “The Walking Dead” e “The Wolf Among Us”, distribuídos em forma de episódios e baseados em mecânicas de quick-time-events, parece estar prestes a fechar as portas, segundo a imprensa internacional.

Os sites norte-americanos Kotaku e The Verge apuraram com fontes próximas ao assunto que a Telltale teria demitido diversas pessoas de uma vez só. O estúdio, que já empregou centenas de pessoas, terá agora apenas uma equipe de 25 funcionários.

publicidade

Em comunicado, a empresa confirmou a decisão:

“Hoje, a TellTale tomou a difícil decisão de iniciar um fechamento da maioria do estúdio após um ano marcado por desafios insuperáveis. A maioria dos funcionários da empresa foi demitida nesta manhã, com um pequeno grupo de 25 funcionários permanecendo para cumprir as obrigações da companhia com seus diretores e parceiros. O CEO Pete Hawley fez o seguinte pronunciamento:

‘Foi um ano muito difícil para a TellTale enquanto trabalhávamos para colocar a empresa em um novo caminho. Infelizmente, ficamos sem tempo para chegar até lá. Lançamos alguns dos nossos melhores conteúdos neste ano e recebemos muitos comentários positivos, mas no fim das contas, isso não se traduziu em vendas. Com o coração pesado, vemos nossos amigos nos deixarem hoje para espalhar nossa marca de storytelling pela indústria de jogos’

A TellTale vai publicar comunicados sobre seu portfólio de produtos nas próximas semanas”

A empresa pretendia lançar na próxima semana o segundo episódio da quarta e última temporada de “The Walking Dead”. O estúdio também vinha trabalhando em um jogo baseado na série “Stranger Things”.

Apesar da primeira impressão de que o estúdio iria fechar, Pete Hawley também comentou no Twitter que a empresa ainda não previsão para fechar as portas em definitivo. As 25 pessoas que continuarão trabalhando seguirão em seus cargos por tempo indeterminado.

Outros títulos em que a Telltale trabalhou incluem “Minecraft”, “Game of Thrones”, “Batman”, “Borderlands” e muitos outros. Também surgiram relatos na imprensa dos EUA recentemente de que o ambiente dentro do estúdio era “tóxico” e que muitas pessoas eram coagidas a trabalhar “excessivamente”.

No ano passado, a Telltale demitiu 90 funcionários, que representavam cerca de 25% da sua força de trabalho. A empresa ainda não comentou as novas demissões publicamente.