EnglishPortugueseSpanish
publicidade

A Anatel é uma mina de ouro de informações sobre celulares ainda não lançados. Com a proximidade do anúncio do Galaxy S10, a agência novamente serviu para expor algumas das características dos celulares que só serão oficializados dentro de aproximadamente um mês, revelando o que pode se esperar dos aparelhos em termos de bateria.

Os documentos de homologação encontrados no site da Anatel fazem referência a três modelos: EB-BG970ABU, EB-BG973ABU e o EB-BG975ABU. Os códigos são referentes, respectivamente ao modelo Galaxy S10 Lite (que também já foi chamado de S10E nessa fase especulativa), o S10 e o S10+.

publicidade

Reprodução

Todos os aparelhos são listados com 3.000 mAh, o que parece um pouco estranho, no entanto, com base no que se esperava até o momento. Especialmente porque o S10+ será fisicamente maior que os outros modelos e pode abrigar uma bateria maior.

Os dados do site Anatel só são compatíveis com as especulações referentes à bateria do Galaxy S10 Lite, que deveria ter algo na casa dos 3.100 mAh (com a diferença justificada pela distinção entre a capacidade mínima e típica da bateria). No entanto, esperava-se que o S10 convencional tivesse algo na casa dos 3.500 mAh, enquanto o S10+ tivesse uma bateria de cerca de 4.000 mAh, como aponta o site GSMArena.

Em geral, certificados de agências regulatórias como a Anatel costumam ser uma fonte confiável de informações, mas também existe a possibilidade de que as informações não sejam compatíveis com a realidade, então é esperar para confirmar.

publicidade