EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Um grupo de legisladores italianos quer banir a Huawei do país. Os políticos do partido Lega desejam acionar o parlamento para garantir que a marca seja proibida de vender equipamentos com a tecnologia 5G. Eles tentaram acionar o “golden power” — mecanismo que promove a intervenção em empresas privadas de setores considerados estratégicos — para bloquear a chinesa de telecomunicações.

O argumento usado contra a Huawei são as acusações de que ela compartilha informações dos usuários com o governo chinês e poderia usar isso para espionagem. Em resposta à Reuters, a empresa nega. O secretário de estado americano, Mike Pompeo, disse que os EUA não farão parceira com países que adotam a tecnologia da Huawei em razão dos riscos que ela representa.

publicidade

Se a decisão do governo italiano for banir mesmo a empresa chinesa, é provável que os testes e projetos que estavam sendo realizados com o 5G no país sejam cancelados. A consequência disso pode ser um atraso em relação à chegada da quinta geração de telecomunicação móvel. Entretanto, como a prioridade é a segurança, e os EUA são influentes nesse tipo de decisão, é provável que a marca saia da Itália.

Fonte: CNet