EnglishPortugueseSpanish
publicidade

A fabricante chinesa Huawei se prepara para processar o governo norte-americano por banir o uso de seus produtos em agências federais do país. A companhia deve anunciar a ação na quinta-feira (7) durante uma conferência de imprensa em sua sede em Shenzhen, na China.

Segundo a Reuters, o objetivo parece ser desafiar uma adição à Lei de Autorização de Defesa Nacional (NDAA), feita pelo presidente Donald Trump no ano passado. Faz tempo que Washington declarou a Huawei como inimiga de estado, por acreditar que a empresa usa seus produtos para espionar os EUA.

publicidade

Apesar de ter negado acusações de espionagem, a filha do presidente da Huawei, Meng Wanzhou, segue presa no Canadá desde dezembro. Há indicações de que ela está processando o governo canadense por ter sido interrogada antes de saber que estava indo presa.

Paralelamente, a empresa tem sofrido embargos de vários países enquanto se prepara para lançar um celular com conexão 5G. Por isso, encontrar smartphones da Huawei nos EUA é muito difícil, mesmo com a marca sendo a segunda mais famosa na produção de celulares.

Via:  CNet

publicidade