Depois que o CEO do Twitter, Jack Dorsey, confirmou que a empresa estava trabalhando para melhorar o layout de modo escuro da plataforma, a companhia anunciou hoje (28) que já está disponível a função “Lights Out” do recurso na cor preta. Por enquanto, a novidade foi liberada apenas para usuários do aplicativo em iPhones.

Desde quando foi lançado, em 2016, o modo escuro do Twitter não chegava ao tom preto — atingia, no máximo, uma cor azul acinzentada. Por isso, muitos usuários do aplicativo reclamavam e cobravam a empresa para que oferecesse um recurso mais eficiente. Com a atualização do modo escuro, os usuários do Twitter passam a ter três opções: “Dim”, “Lights Out” e “Automatic Dark Mode”.

publicidade

“Dim” muda o background do aplicativo para o já conhecido azul acinzentado. A opção “Lights Out” é a novidade mais esperada: deixa preto o layout de fundo do Twitter e sem emissão de luz. Já o “Automatic Dark Mode” ativa automaticamente a opção de modo escuro selecionada quando o sol se põe.

O modo escuro do Twitter é ativado nas configurações da conta, na categoria “Tela e Som” (“Display and sound”). “Dar mais opções às pessoas para personalizar sua experiência no Twitter com base no que é mais confortável para elas é o que essa atualização do modo escuro busca”, diz o gerente sênior de design do Twitter, Bryan Haggerty.

A ativação do modo escuro é importante para ajudar a prolongar a bateria dos dispositivos com tela OLED e suporte à função, como celulares e computadores. Isso porque esse recuso, quando usado em displays OLED, não ilumina os pixels pretos — dessa forma, economiza bateria e é benéfico para o cansaço ocular, já que atenua o impacto da luz forte das telas.

Via: Cnet