O novo Edge baseado no Chromium continua repercutindo. Agora, a mudança estabelece o Google como o mecanismo de pesquisa padrão do navegador, no lugar do Bing, que também é de propriedade da Microsoft.

Ele vai se tornar o navegador para as atividades diárias comuns de exploração e trabalho na web. O trabalho da Microsoft está apenas no começo: as versões experimentais estão disponíveis apenas por alguns dias nas distribuições Dev e Canary. As atualizações são diárias e semanais, como o modo escuro e o comando de flags, só que com o estilo do Google Chrome.

publicidade

A empresa não vai eliminar o Bing completamente e optou por inclui-lo como mecanismo de busca para o navegador reformulado, mas quem preferir pode usar o Google. O Edge Chromium permite modificar o mecanismo de pesquisa padrão e configurar o Google ou qualquer outro serviço, mas o procedimento não é imediato e requer conhecimento dos parâmetros corretos para cada mecanismo — e que devem ser inseridos em “Configurações”.

Como fazer a modificação

Para alterar o padrão, clique nos três pontos localizados no canto superior esquerdo. Vá para “Configurações” e procure a opção “Privacidade e Serviços”. Lá, acesse a lista suspensa e procure pelo Google. Se não der certo, faça a mudança manualmente: vá na “Barra de Endereços”, siga para “Opções para gerenciar os mecanismos de busca” (na parte inferior) e clique em “Adicionar”.

Via: Xataka Windows