Pelo visto, propagandas polêmicas não são uma exclusividade no Ocidente. O Twitter oficial da Xiaomi na Malásia postou um vídeo com uma propaganda que promovia o seu recurso de manuseio do celular com apenas uma mão – mais precisamente do modelo Mi 9 SE.  Porém, a empresa falhou na abordagem do conceito, já que a peça foi acusada de promover a traição entre casais. 

O vídeo mostra um casal deitado na cama, quando o homem recebe uma mensagem de outra mulher, perguntando se ele está livre. Para responder, o homem precisa tirar o braço debaixo da cabeça da namorada, ato que a acorda. A empresa tuitou o anúncio com a seguinte legenda “Garoto safado! Ele deveria ter tentado usar o Xiaomi Mi 9 SE”. 

publicidade

Reprodução

Enquanto a Xiaomi estava mais preoupada em mostrar a funcionalidade de uma mão do celular, os internautas, principalmente os jovens, focaram mais no conteúdo inapropriado – e mal produzido- lançado pela empresa. As críticas foram fortes. 

As reclamações forçaram a exclusão do tuíte pela fabricante de smartphones chinesa. Porém, como sempre acontece, isso não significa que o erro foi apagado completamente da internet. Confira o vídeo abaixo com a propaganda completa. Se você não conseguir visualizá-la, clique aqui

 

Fonte: Android Police