EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Dentre as diversas opções para mobilidade urbana como bicicletas e patinetes, surge uma nova alternativa, esta bastante curiosa. A startup sueca Cangoroo (nome bastante sugestivo) pretende trazer para diversas partes do mundo um sistema de ‘pula-pula’ compartilhado, chamado de pogo stick.

Ele vai funcionar da mesma forma como os atuais sistemas: o usuário baixa o aplicativo da empresa, encontra um pogo stick, escaneia o código QR e pronto. Para desbloquear e usar, é necessário pagar a tarifa de US$1 (aproximadamente R$ 3,90). Após isso, ele paga US$0,30 por minuto (aproximadamente R$1,20).

publicidade

Mesmo com esses detalhes divulgados e um site completo respondendo à todas as dúvidas, muitas pessoas ainda questionam a veracidade e a viabilidade do novo sistema. A empresa teve de vir a público para garantir que tudo é real e vai acontecer. “Com um monte de perguntas iniciais na linha de ‘isso é real?’, sentimos a necessidade de sublinhar que a Cangoroo é 100% real”, disse a empresa.

Mesmo sendo uma iniciativa real, os responsáveis pelo projeto garantem que estão usando os pogo sticks para chamar a atenção: “Nossa escolha de pogo sticks compartilhados como nosso primeiro produto é uma estratégia para se destacar no panorama atual da mídia e construir uma marca envolvente.”

De acordo com a empresa, as primeiras cidades a receber a iniciativa são Malmö e Estocolmo, ambas na Suécia, já nos próximos meses. Depois disso, o sistema será expandido para São Francisco, Londres e Paris. O aplicativo para aluguel dos pogo sticks estará disponível para iOS e Android.

Como esse sistema é classificado como “andar”, a empresa orienta que os usuários devem permanecer na calçada, respeitar a lei, usar capacete, não usar o ‘pula-pula’ enquanto estiver sob o efeito de álcool ou outras substâncias e, claro, não pular em cima de ninguém.

publicidade

A ideia é curiosa e bastante interessante. A empresa conseguiu exatamente o que queria: chamar a atenção. Para mais informações sobre as futuras localidades e sobre a iniciativa, basta acessar o site da Cangoroo.

E aí, está ansioso para sair pulando pela cidade?

Fonte: G1