EnglishPortugueseSpanish

Nesta quinta-feira (27), o Google Maps anunciou que usuários terão acesso a novos recursos da plataforma e também divulgou um relatório sobre o trânsito nas cidades pelo mundo. 

Um dos recursos é a previsão de lotação para ônibus, trem ou metrô, feito com base no feedback dos usuários de viagens passadas. Para obter esses detalhes sobre os níveis de lotação do transporte ao redor do mundo, o Google analisou relatórios agregados e anônimos de lotação de usuários do Google Maps de outubro de 2018 a junho de 2019, durante o horário de pico (das 6h às 10h) e identificou quais são as linhas mais lotadas.

publicidade

São Paulo aparece três vezes no top 10 mundial de linhas de metrô/trem com o maior número de aglomerações (leia-se lotadas até a tampa). Ocupando a segunda posição está a Linha 11 (Coral), na quarta posição está a Linha 8 (Diamante) e a Linha 9 (Esmeralda).

Reprodução

Quando se trata das rotas de ônibus e trem/metrô mais lotadas, Buenos Aires e São Paulo dominam o ranking, cada uma com 3 linhas no top 10. Estudantes – Luz com as estações Guaianazes, Corinthians – Itaquera, Tatuapé e Brás; na rota do ônibus 106A-10 (Metrô Santana – Itaim Bibi) e na linha 8, nas estações Comandante Sampaio, Estação Presidente Altinho e Jardim Belval.

Reprodução